domingo, 21 de agosto de 2016

Sistema Hi-End Tri-Amplificado

Sim, o título não está errado! Resolvemos montar um sistema tri-amplificado, com nada menos que 5 amplificadores para um som estéreo! Imagino que a maioria de vocês nunca ouviu um sistema triamplificado, e este meu post tem exatamente o objetivo de despertar a curiosidade e incentivar todos vocês a experimentar novos arranjos e setups.

Primeiramente, muitos vão perguntar... para que isso tudo? Complicar a toa?? Pois a ideia não é complicar... apesar de ser o que parece. A ideia é exatamente o oposto, ter o caminho de áudio o mais limpo e claro para os diferentes conteúdos de frequências !!

Vou começar dando uma pequena explicação sobre como seu setup atual provavelmente funciona, se você usa um par de caixas e apenas um par de amplificadores mono ou um amplificador estéreo. Como sabemos, a maioria dos alto falantes não são capazes de reproduzir todas as frequências do espectro, de 20 a 20.000 Hz. Ou seja, usamos caixas de 2, 3 ou mais vias, separando este espectro em faixas, onde cada alto falante será responsável por reproduzir uma pequena parte deste espectro de frequências... mas você sabe quem 'divide' o espectro, enviando apenas uma parte do áudio para cada alto-falante? Chama-se crossover, e a maioria de nós usa o crossover embutido em nossas caixas acústicas, chamado de crossover passivo.

Chegou a hora de falarmos sobre crossovers. Pegue uma pipoca e continue lendo, prometo que será interessante :) Não quero ser técnico demais, quero apenas explicar o básico sobre crossovers, pois é uma contextualização importante para a compreensão geral deste artigo.

Existem dois tipos de crossovers: ativos e passivos. O crossovers passivos usam somente componentes passivos e não necessitam de uma fonte externa de alimentação para funcionamento. São estes crossovers que você possui embutido dentro de suas caixas acústicas, e provavelmente é este que você está usando neste exato momento para separar as diferentes frequências em seu sistema. São crossovers que trabalham com alta potência, pois atuam no sinal de saída do amplificador.
Por outro lado, temos os crossovers ativos, que são alimentados e, dentro da cadeia do áudio, são inseridos entre o pré e o(s) power(s), e por este motivo, não usam componentes de alta potência.

Crossover Passivo

Crossover Ativo Valvulado Luxman


Como disse antes, não quero ser muito técnico, e me limitarei a dizer que crossovers ativos são infinitamente superiores aos crossovers passivos. Ao se remover o crossover passivo, conectamos os falantes diretamente ao amplificador, permitindo que este trabalhe com controle total sobre o falante, eliminando todos os efeitos danosos provocados por este circuito intermediário de potência.

Se quiser ler mais sobre o assunto, e as diferenças reais e as explanações técnicas do porque dos grandes benefícios dos crossovers ativos, recomendo a página de Rod Elliott em inglês: http://sound.westhost.com/biamp-vs-passive.htm

Pois bem, a grande vantagem de se biamplificar ou triamplificar, é ELIMINARMOS completamente o crossover passivo das caixas e o trocarmos por um ativo. Em um sistema tri-amplificado, de 3 vias, é possível removermos totalmente as grandes limitações dos crossovers passivos e criarmos um sistema absolutamente superior aos tradicionais que estamos costumados a ouvir!

Pois foi o que fizemos. Já fazia muito tempo que eu planejava mentalmente me aventurar na montagem de um setup tri-amplificado, combinando alguns falantes e componentes que sempre me deram muito prazer na audição mono ou bi amplificada. Porque não, então, juntar tudo em um só? Muitos vão achar doidice, loucura... chamem como quiser. Estou aqui para experimentar, afinal, não é assim que se chega onde ninguém chegou antes?

Sempre gostei dos agudos dos tweeters ElectroVoice T350, dos médios das B&W e dos graves da JBL. Então, que tal somar tudo? Resolvi usar:
  • Tweeter ElectroVoice T350
  • Caixa B&W 685
  • Caixa JBL 4507
Para os powers, sempre gostei dos agudos dos Quad II, os médios dos McIntosh MC30 e os graves de um amplificador solid state nosso, que comercializamos no passado. Mais uma vez, vamos juntar tudo:
  • Par de monoblocos Quad II
  • Par de monoblocos McIntosh MC30
  • Power Estéreo Regence Audio SSA-01
Mas... qual crossover ativo utilizar? Eu não queria muitos transistores no caminho do áudio, então, optei por importar um crossover valvulado Luxman A2003, de 3 vias. Ideal para este setup!!

Por fim, escolhi como pré o Marantz 7, meu preferido de todos os tempos. Agora era só montar tudo... certo? Facinho...

Ou não! Ajustar o sistema todo foi uma trabalheira inimaginável. Primeiro tive de medir o SPL de cada um dos falantes, para depois calcular os ganhos individuais para cada via. Depois, tive de conferir e checar a fase de cada uma das vias, para garantir que tudo estaria em fase. Por sorte o Luxman permite inverter individualmente cada fase se necessário, uma mão na roda. Feito tudo isso com instrumentação específica, era hora de ouvir e fazer o ajuste fino. Mais uns 10 dias de mudança, melhoras, pioras, trocas... ufa! Confesso que foi um ENORME aprendizado. Deu muito trabalho mas valeu a pena!





Terminado e funcionando, era hora de convidar alguns amigos músicos para ouvir o setup... o pessoal enlouqueceu! Realmente surpreendeu. É um setup muito complexo de ser feito, que exige mais experimentação que muitos outros (pois possui uma infinidade a mais de parâmetros para serem ajustados), mas afirmo que vale a pena o esforço, pois o resultado compensa!

Portanto, convido a todos a experimentar. Experimente válvulas diferentes, setups diferentes, abra sua cabeça ao novo, até você encontrar aquele sistema que te tira do mundo real e te conduz para dentro da música. 


Happy Listening!



2 comentários:

  1. Gostei do conselho de montar essa triamplificação. Não tenho dúvida o som deve ter ficado magnífico. Parabéns.
    Nílson.

    ResponderExcluir
  2. Nilson,

    Agradecemos sua presença aqui em nosso blog! Curta nossa página no facebook e siga nosso conteúdo por lá também!

    https://www.facebook.com/regenceaudio

    Abraço!

    ResponderExcluir